terça-feira, 14 de agosto de 2012

O Amor de Shy





      Eram sete horas da noite...Shyenne estava em seu quarto, acendendo velas para a Deusa Lua. A delicadeza de suas mãos, faziam com que as chamas dançassem em sua volta, como se o vento seguisse cada passo seu. Seus olhos estavam brilhando, não apenas por causa as velas mais por estarem como um espelho que absorvia e iluminava o brilho daquele quarto. Sua pele, um pouco arrepiada do vento que vinha levemente da janela, trazia o cheiro do orvalho da floresta, suas roupas leves e brancas levitavam, seguindo o curso do vento.

      Shyenne sabe que o vento nos traz boas e más noticias, dependendo da
maneira como ele invade nosso lar e nos abraça, ele pode ser uma ótima fonte de informação.
Uma vez mais, Shyenne olhou para a janela. Ele estava atrazado novamente. Olhou para o chão e notou uma leve nevoa branca que a rodeava. Era o Lord Dri, ele sempre gostava de chegar daquela maneira, bem devagar, silencioso, calmo. eles se abraçam e se beijam como da primeira vez, quando ele estava preso no calabouço deste castelo, todos os meses no dia 30 ele vinha procurá-la.

     Seus olhos cheio de desejo brilhavam como fogo, a paixão daquele olhar era clara, suas mãos acariciavam o cabelo da Shyenne, e os dois trocavam sussurros enlouquecedores, tão difíceis de escutar, que as velas "falavam" mais alto!
Era impossível saber qual dos dois estava mais apaixonado, os rostos não se moviam, apenas o corpo dos dois estavam se movendo, como uma dança sem musica. Uma valsa silenciosa.
A noite era longa, mas os dois não pareciam se preocupar com horas, dias ou meses. Eles só queriam um ao outro.

      Este clima, de carinho e sensualidade e silêncio era levemente distorcido pelo som do vento e de certos gemidos que saia de vez em quando entre o casal, risos e sussurros são trocados como a leve chuva que começava a cair, atingindo as folhas da floresta, deixando o ar levemente umidecido e o quarto cada vez mais quente.


      Mais uma vez o toque do Lord Dri no rosto da Shyenne era notado, mais uma vez Shyenne deitada com o Lord sussura levemente em seu ouvido e o faz rir, Mais uma vez, os olhos de Shyenne brilha e o Lord a abraça em forma de carinho.


      Outras historias null foram contadas sobre grandes amores e paixões, mas um amor, de tamanha estrutura e afinidade, ira demorar muito para ser parecido com esse! Pois não existe, no mundo, um amor tao sincero como este é.


      E assim será,... Por muito e muito tempo.

2 comentários:

Ariel disse...

Olá Amigo, boa noite,
você tem um blog maravilhoso
Eu coloquei o seu banner
no meu blog!

um grande abraço

Historia de vampiros disse...

Mt obrigado agradecido....